Re: [Sala de Estudo] Ensino Superior

08 Set 2017, 23:26 [#942]
Frize Escreveu:
08 Set 2017, 23:00
eduardextreme Escreveu:
08 Set 2017, 21:50
Nas notícias dizem que qualquer lista é falsa e que a oficial será lançada no Domingo.
Com que média entraste?
Eu entrei com 173,5, ainda entrei à vontade no meu ano, entrava no ano seguinte mas depois disso nunca mais. Este ano vai andar perto dos 178.

Mesmo electro já vai perto dos 175...
No meu ano de entrada (2010) as médias foram de 156,5 na 1ª fase e 154 na 2ª fase.
O exame de Matemática A correu-me mal na 1ª fase (12 valores) e não fiquei colocado sequer na FEUP na 1ª fase, mas consegui tirar boa nota na 2ª fase (18 valores) e já entrei no MIEIC.
A minha média de entrada foi de 164,5 pelo que até parece que entrei à vontade na 2ª fase... Só que entrar na 2ª fase nunca é à vontade. xD

Já há muito tempo que não entrava no MIEIC, com estas médias.
Não sei se é inflacção das notas no ensino secundário ou se é simplesmente tudo atrás daquele que é dos melhores cursos para se tirar em termos de saídas profissionais. O que é pena, visto que pode entrar gente inteligente mas que não gosta mesmo de informática. Há os que desistem por incapacidade e há os que desistem porque certamente não é coisa para eles. Já havia muitos assim no meu ano, agora mais devem haver.

Informática é diferente porque tens gente que é verdadeiramente apaixonada por aquilo que faz. Não é normal alguém que no trabalho passa a vida a planear e a programar, nos seus tempos livres... planeia e programa outras coisas ou estuda, procurando aprender novos conceitos e tecnologias que goste e procure colocar em prática.

Mas claro, as médias serem altas só valorizam quem tem o curso. Só lhes posso agradecer.
Imagem

Re: [Sala de Estudo] Ensino Superior

13 Set 2017, 16:13 [#946]
Vais aprender músicas a insultar toda a gente e que em grupo são os maiores mas a maioria sai dali e é um conas virgem que sonha com a cona que insulta durante a praxe e que o paleio que mandam é mesmo só isso - paleio.
É isso a praxe do ISEP.

Mas boa sorte para a licenciatura, é isso que importa. ;)

Re: [Sala de Estudo] Ensino Superior

15 Set 2017, 11:26 [#948]
A praxe é gira no início, porque te junta a muita gente, é como um catalisador social. Mas a partir da 2ª ou 3ª semana, é só perda de tempo.

No meu curso, no meu ano de caloiro, havia praxe todas as semanas dois dias às 8h da manhã. Quando ia às aulas, aparecia na praxe sempre 5 minutos antes de entrar na aula, e era só porque estava de passagem, porque senão não aparecia. É simplesmente tempo perdido.
Imagem

Re: [Sala de Estudo] Ensino Superior

15 Set 2017, 12:48 [#949]
Eu sempre achei a praxe uma seca. Fui umas 3 vezes no início e depois nunca mais fui.
Mas compreendo quem goste porque é uma forma de fazer amigos rapidamente. Com a praxe tens alguém com quem andar na faculdade, com quem estudar, com quem almoçar, etc. E ajudam-se uns aos outros.

No meu curso, no primeiro ano, talvez dois anos, a malta da praxe isola-se um pouco do resto. Não são todos, mas nota-se alguma separação. Mas com o passar do tempo do curso, deixa de haver esse isolamento e os colegas do curso já andam juntos independentemente de serem ou não da praxe.

Uma coisa que só aprendi quando estava na faculdade com malta da praxe, é que a praxe é uma m@#$% no 2º ano. Se calhar mais ainda que no ano de caloiro.
Isto porque não podes praxar, mas tens de lá estar para organizar, para arranjar as coisas, etc. E aí sim há muito tempo perdido, e inclusivamente dinheiro gasto na praxe.
Um colega meu tinha carro e começaram a pedir para ir ali e acolá de carro e ele deixou a praxe no 2º ano por causa disso.

Quanto ao ser caloiro, não te esqueças que não és obrigado a nada. Se vires que não gostas, ou não é boa ideia, não faças. Há gente a ficar doente, a aleijar-se, a ser humilhada, etc. mas isso é porque não sabem dizer não. A primeira opção é recusar, caso não gostem, é deixar a praxe.
Conheço "doutores" que respeitam os caloiros e estão lá apenas para que todos se possam rir e fazer parvoíces, e conheço outros que só querem humilhar. Fica com os primeiros se gostares da praxe.
Imagem

Re: [Sala de Estudo] Ensino Superior

15 Set 2017, 13:23 [#951]
A praxe diurna no ISCAP, no meu tempo, raramente era em tempo de aulas, costumava ser à quarta de tarde que nunca havia aulas. E quando o era, "obrigavam" os caloiros a ir às aulas. A praxe nocturna era sexta à noite após as aulas, das 22H à meia-noite e tal para não cansar e irem dormir ou beber um copo.
O segundo ano é de semi. Os semis são chamados de "caloiros que podem rir". Basicamente és doutor mas não podes praxar caloiros (nunca podes praxar ninguém que apenas tenha uma matrícula de diferença de ti) e és praxado pelos outros doutores, maioritariamente com tarefas como disse o Eduardo.

Sobre as humilhações, se não sabes dizer que não a um filho da p&%@ que acha que faz o que quer de ti, não estás pronto/a para a praxe nem para a vida. Porque filhos da p&%@ que abusam dos outros há na faculdade, no trabalho, nas relações pessoais, etc.

Re: [Sala de Estudo] Ensino Superior

15 Set 2017, 15:13 [#952]
É o que me têm dito. Ainda no outro dia a minha avó me disse algo do género "Ah, tu tem cuidado porque se eles te fizerem alguma coisa que tu não gostes não podes reagir como costumas". O c@#$%& que não posso. (denote-se que obviamente não respondi assim à minha avó). Número 1: Não quero, não faço. Número 2: Obrigam-me, levam no pêlo.
Eu não gosto muito do conceito da praxe mas estou disposto a dar o benefício da dúvida até saber se vale a pena gastar o meu tempo naquilo ou não. Agora, se realmente for para Aveiro, que se f#$%& aquela m@#$% porque já sei como é (graças à minha irmã) e não estou para me chatear.
Imagem

Re: [Sala de Estudo] Ensino Superior

15 Set 2017, 22:57 [#960]
Não fui às praxes da minha faculdade e não senti a mínima falta delas. Nas primeiras aulas foi fácil arranjar amigos e conhecer pessoal que, tal como eu, era caloiro e não conhecia ninguém. Conheci inclusive pessoas das praxes mesmo sem lá ter posto os pés.
Santorfo não precisas das praxes para conheceres pessoas, basta meteres conversa sem receio. Se a pessoa estiver interessada em ficar tua amiga boa; se não estiver manda-a à m@#$% e segue com a tua vida. Tal como disseste, o facebook também é um bom meio para meteres uma conversa inicial com alguém que reconheças. O que não faltam hoje em dia são grupos e etc de cada faculdade.
cron